Notícias

Com a recepção marcada entre 18:45 e 19:45h, cerca de 42 jovens entre 18 e 26 anos irão fazer a experiência do Emaús - Curso de Valores Humanos e Cristãos para jovens. O 125º Emaús Masculino acontece na Casa de Pastoral São Tiago e encerra no próximo domingo, 04, com a Missa de Encerramento as 19h na Igreja de Nosso Senhor do Bonfim, no Bairro Bonfim. Para o bom andamento do Curso, o Movimento convida aos pais, amigos e caminheiros de Emaús para as orações e adorações: - 01/09 -  Após a recepção na Casa de Pastoral São Tiago, recitação do terço. Nesta sexta-feira dia 03/06 às 19:30h na Capela do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora – Adoração Já no sábado 04/02 – 12:00h às 19:00h – Vigília e às 19h nas Paróquias Missa de Rogação pelo Curso de Emaús. Contamos com suas orações!
Terça, 16 Agosto 2016 10:15

Prados promove encontro para a juventude

Acontece nos dias 21 e 22 de agosto, o quinto encontro de jovens “Santos sem deixar de ser jovens”, na cidade de Prados. A temática abordada nesta edição será “Compreenda teu próximo a partir de ti mesmo. Tudo lhe é permitido, mas nem tudo lhe convém”. O grupo de jovens local, organizador do evento, estima a participação de 200 jovens de Prados e cidades vizinhas, tendo início na manhã do dia 21, às 7h e término no domingo ás 18h. Oração, adoração, missa, dinâmica, terço, palestra, música, dança, baile, workshop, cantinho da amizade, e outras surpresas são parte da programação do que esses jovens viverão nesses dois dias de muita alegria e fé!  O interessado em participar deve pagar uma taxa simbólica de R$10 na entrada do encontro, e juntamente com o valor, o grupo pede a doação de produtos de limpeza, que como gesto concreto deste encontro será doado para a Santa Casa de Misericórdia de Prados. As inscrições são feitas pela internet (clique aqui para fazer sua inscrição) e as vagas são limitadas. 
No contexto do Ano da Misericórdia e com o objetivo de motivar a juventude do distrito e localidades vizinhas, o grupo de Emaús Alerta Dinâmico do Rio das Mortes realiza mais um encontro de Jovens com Cristo. A terceira edição que acontecerá no dia 28 de agosto abordará a seguinte temática: “Vá e faça também a mesma coisa” (Lc 10,37). O tema deste encontro foi retirado do Evangelho de São Lucas, em seu décimo capítulo, onde o evangelista narra a parábola do Bom Samaritano. Além de trabalhar com os jovens um pouco do Ano Santo da Misericórdia, os organizadores propõem um dia diferente para rezar, celebrar e aprender um pouco mais sobre a misericórdia de Deus. A programação começa logo cedo, às 8h. Haverá momentos de dinâmica, partilha e conhecimento, palestras, música e recreação. Durante todo o dia sacerdotes, seminaristas e leigos estarão junto da juventude para vivenciar este momento. O interessado em participar não paga nada e são aceitos jovens entre 14 a 26 anos. O evento se encerra com a missa de encerramento às 17h, na Igreja de Santo Antônio. A expectativa da organização é receber o mesmo número de jovens da edição anterior 100 encontristas. Para participar basta o jovem realizar a sua inscrição online. (clique aqui para fazer a sua inscrição)
  No fim de julho aconteceu um dos maiores eventos da Igreja para os jovens católicos, a Jornada Mundial da Juventude. André se inscreveu como voluntário foi selecionado e participou de um dos momentos mais ricos deste ano na vida da Igreja. Ver, viver ou servir ? São três palavras que devem ser levadas em consideração ao escolher participar da JMJ. Na JMJ de Cracóvia 2016 eu resolvi servir como voluntário, pois já tinha ido como peregrino na jornada do Rio e gostaria de novas aventuras.  Cheguei a Cracóvia uma semana antes do início da jornada para os treinamentos que os voluntários deveriam receber. Trabalhei no ponto de informação no cruzamento de duas avenidas movimentadas no centro de Cracóvia. Tive uma rotina de trabalho de 8 horas por dia, um trabalho que exigia paciência e sorriso no rosto sempre. Paciência para ajudar pessoas perdidas, com poucas informações e por não poder ir aos eventos principais. Sorriso no rosto para alegrar os peregrinos que passavam por lá.  Ouvi muitas histórias de brasileiros e estrangeiros, cada um com sua cultura, seu sotaque, mas todos reunidos para ficar um pouco mais próximo de Deus e do Papa.  A jornada mundial da juventude me ensinou que é possível ser feliz com pouco. Dormimos no santuário de São João Paulo II, um local improvisado para receber os voluntários da América Latina. Faltou água quente alguns dias, tomada para recarregar o celular, banheiros (no início), apesar de ter ouvido muitas reclamações eu estava lá, alegre, aproveitando todo o momento, pois sabia que depois eu iria sentir saudade. Dormi e comi pouco, mas não arrependo de nada. Fiz muitas amizades que quero levar para vida toda.  A jornada mundial da juventude une várias pessoas que acabam namorando e comigo não foi diferente, voltei ao Brasil namorando uma polonesa que conheci no final de 2014 e por sorte ela está vindo morar no Brasil.  Um texto é muito pouco para descrever tudo que eu vivi e senti na jornada. Foram vários encontros, com voluntários, peregrinos e com o Papa que fez minha jornada feliz e me fez ter a certeza de que minha igreja é viva e jovem. André Luiz Ávila de Oliveira tem 23 anos, morador do bairro do Tijuco e pertence a paróquia de São José Operário.  O jovem é caminheiro de Emaús e estudante de Engenharia Mecânica na UFSJ. Atualmente é vice coordenador do grupo de jovens na comunidade de São Caetano.
Terça, 02 Agosto 2016 10:07

Agosto, o Mês Dedicado às Vocações

Neste mês a Igreja celebra as vocações: sacerdotal, diaconal, religiosa, familiar e leiga. É um mês voltado para a reflexão e a oração pelas vocações e os ministérios, de forma a pedir a Deus sacerdotes que sejam verdadeiros pastores e sinais de comunhão e unidade no seio da Igreja. Não fostes vós que me escolhestes; fui eu que vos escolhi …”(Jo 15,16) Instituído na 19ª Assembleia Geral da CNBB em 1981, o Mês Vocacional tem como objetivos conscientizar as comunidades da responsabilidade que elas compartilham no processo vocacional. Presente na maioria das paróquias, a Pastoral Vocacional tem buscado celebrar este mês com animação e criatividade tendo sempre por fim suscitar novas vocações. Durante o mês cada domingo é reservado para a reflexão e celebração de uma determinada vocação Primeiro Domingo – Vocações Sacerdotais – Dia do Padre   O sacerdote age em nome de Cristo e é seu representante dentro daquela comunidade. Ao padre compete ser pastor e pai espiritual para todos sob sua responsabilidade. Pela caridade pastoral, ele deve buscar ser sinal de unidade e contribuir para a edificação e crescimento da comunidade de forma que ela torne-se cada vez mais atuante e verdadeira na vivência do Evangelho. Segundo Domingo – Vocação Familiar – Dia dos Pais Neste  domingo  celebramos a  vocação  da família na pessoa do pai.   Em  tempos de violência e perda de valores, a valorização da família é essencial para a sociedade  como  um  todo. A família  é chamada por  Deus a ser  testemunha  do amor e da fraternidade, colaboradora da obra da Criação. O Pai na família é fundamental. Seu papel de educador, em colaboração com a mãe, é um dos pilares da unidade e bem estar familiar cujos frutos são filhos bem formados e conscientes do que significa ser cristão e cidadão. O pai é representante legítimo de Deus perante os filhos e é sua missão conduzi-los nos caminhos de Cristo, da verdade, da justiça e da paz. Cabe aos pais que o amor, compaixão e harmonia reinem no lar. Terceiro Domingo – Vocações Religiosas – Dia da Vida Religiosa No terceiro domingo do mês vocacional, a Igreja lembra dos religiosos. Homens e mulheres que consagraram suas vidas a Deus e ao próximo. Desta vocação brotam carismas e atuações que enriquecem nossas comunidades com pessoas que buscam viver verdadeiramente seus votos de castidade, obediência e pobreza. São testemunhos vivos do Evangelho. Perseverantes, os religiosos estão a serviço do Povo de Deus por meio da oração, das missões, da educação e das obras de caridade. Com sua vida consagrada, eles demonstram que a vida evangélica é plenamente possível de ser vivida, mesmo em mundo excessivamente material e consumista. São sinais do amor de Deus e da entrega que o homem é capaz de fazer ao Senhor. Quarto Domingo – Vocações Leigas – Dia dos Ministérios Leigos Neste dia celebramos todos os leigos que, entre família e afazeres, dedicam-se aos trabalhos pastorais e também missionários. Os leigos atuam como colaboradores dos padres na catequese, na liturgia, nos…
  Com o Tema “Fámilia, ícone da Trindade” e o Lema “Sede misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso” (Lc 6, 36), começa nesta quinta feira, 21 e vai até o domingo 24 de Julho, no Centro Marista São José das Paineiras, localizado na cidade de Mendes – RJ – Diocese de Volta Redonda, o X Seminário Nacional de Emaús. Organizado pelo Regional Sudeste II que engloba os Secretariados de Juiz de Fora, São João del Rei, Mariana e o Sub-secretariado de Lavras em Minas Gerais e ainda o Secretariado de Valença no Estado do Rio de Janeiro. Para este encontro foram disponibilizadas 15 vagas para cada Secretariado, dos 23 Secretariados existentes no Brasil, num total de 350 pessoas. Da Diocese de São João del Rei, participarão em torno de 12 pessoas, além do Diretor Espiritual do Regional Sudeste II, Padre Bolivar Viera de Queiróz, pároco da Paróquia de São José em Itumirim. Seminário Nacional: O Seminário Nacional que ocorre a cada quatro anos e têm como objetivo congraçar, refletir sobre a evangelização dos jovens e integrar, organicamente, o Movimento difundido nas diversas regiões e (Arqui) Dioceses do Brasil. Dos Seminários Nacionais participará o maior número possível de adultos e jovens integrantes do Movimento de Emaús, de todo o Brasil. Cada Seminário é, na verdade, uma grande Maranatha nacional. Foram disponibilizadas 15 vagas para cada Secretariado, dos 23 Secretariados existentes no Brasil. Da Diocese de São João del Rei, participarão em torno de 12 pessoas. Explicação da logomarca: O triângulo entrelaçado simboliza a trindade - Deus Pai - Deus Filho - Espírito Santo, mas também representa a Sagrada Família, Jesus, Maria e José. O entrelaçado significa que não há um fim e estão unidos no amor. A cor verde simboliza Deus Pai criador de tudo e José o modelo de Pai. A cor Azul simboliza Jesus Cristo. A cor vermelha simboliza o Espírito Santo, mas também Maria que soube conduzir sua família com o coração de mãe. As mãos nos lembra a misericórdia de Deus que sempre nos ama e nos orienta, e, ao mesmo tempo as mãos da humanidade que suplicam a Deus por sua Misericórdia. Os caminheiros ao centro da Trindade nos lembram que o Movimento de Emaús busca constantemente se abastecer da Graça de Deus para evangelizar com amor e inspirados pela sabedoria do Espírito Santo.

Últimas Notícias

"a serviço da vida e da esperança"